13 de dez de 2017

Poesia: Todo Amor em Mim























Todo Amor em Mim

Eu amei demais,
Mas foi melhor assim.
Amei por inteiro,
Tanto por fora
Quanto  por dentro,
Eu amei demais.
Amei até o infinito.
Sem ligar para os porquês.
Amei muito mais que bonito,
Sem receios ou em mim contido
Amei demais perdido em você.
Talvez tive este único erro,
Dos sentimentos  o desapreço
De tentar amar sem tudo poder.
Contudo muito amei absurdos,
Por fim verdadeiro ao mundo,
Mas amei tanto que amei,
Tanto por mim quanto por você.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com





12 de dez de 2017

Poesia: A Verdadeira Felicidade
























A Verdadeira Felicidade

É assim que deveria sempre ser.
Vivermos em nós mais contentes,
Não buscando em outros mundos
Artifícios que nos iludem a mente
Com propósitos que a vida engana.
O correto seria a simples verdade
De fazer-se residir em nós o só existir
Da essência pura da Felicidade Orgânica.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com




11 de dez de 2017

Poesia: Perfume de Amor


























Perfume de Amor

Você é tão minha sorte...
Minha estrela do norte.
Um beijo de canto de boca,
Ombro amigo para se ter.
É um trevo de quatro folhas,
Que começa com mal me quer.
Também quero eu ser assim.
Alguém que te faça sempre bem
Que te leve tão leve como pluma
Que ao seu ar de amor perfuma.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com







8 de dez de 2017

Poesia: Poder Sobre o Tempo
























Poder Sobre o Tempo

Sustentaria sem problemas o medo
De ter o poder de mudar o tempo,
E possuir nas mãos este encanto.

Se o tempo fosse meu brinquedo,
Eu seria uma pessoa no mínimo melhor
Se fosse este eu mesmo neste momento.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com

7 de dez de 2017

Poesia: Vacilos

























Vacilos

Parece que é só comigo,
Outras vezes nem ligo,
Que pessoas tão próximas
Transformem-se numa
Metralhadora de Vacilos.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com




6 de dez de 2017

Poesia: Provas
























Provas

Em tudo que se exige
Muitas provas a contestar,
Se comprova que persiste
A tendência de nada provar.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com




1 de dez de 2017

Poesia: Esperança

























Esperança

Não se busca a esperança
Como desequilibrada criança
Que está aprendendo a andar.
Devem ser passos firmes
Feitos um faminto lince
A sua ágil presa a caçar.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com




22 de nov de 2017

Poesia: Beijo de Anjo















Beijo de Anjo
(Homenagem a minha linda filha Julia hoje completando 15 lindas Primaveras)

Por mais cansativo
Que tenha sido meu dia
É no seu abraço que
Minha vida se alivia.

Criança, meiga menina,
Traz a mim os motivos
De ser um novo homem
Ao nascer de cada dia.

Nas maças rosadas
Do seu belo rosto
Aprendo o gosto
Do que é viver.

Entendo sem muitas
Palavras que é muito
mais que amor
o que sinto por você

A fonte de toda
Minha mais profunda
e doce alegria
É a felicidade sua.

Une-me a alma ao espírito
Beijo de um anjo
Beijo Divino
Suave beijo de Julia

Jorge Jacinto da Silva Jr
jorge.jacinto@gmail.com



21 de nov de 2017

Poesia: Nada Prático
























Nada Prático

Eu quero te arrancar
Um sorriso sempre fácil.
Mesmo sabendo que amar
Não se faz nada prático.
Quando o arrumamos
Desconcertados de um lado,
Ele foge incontrolável do outro,
Como impacientes em ajeitar
Um lençol com elásticos.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com




20 de nov de 2017

Poesia: Meus Espinhos


























Meus Espinhos

Tento ser mais flor que dor
E buscar perdido em mim
Um pouco mais de carinho,
Contudo, tem dias que pareço
Um cactos repleto de só espinhos.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com




17 de nov de 2017

Poesia: Autoestima ou Convencimento

























Autoestima
ou Convencimento

Qual seria a diferença
Entre autoestima e convencimento?
Para mim isso pouco importa,
Pois me amo de qualquer jeito.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com



10 de nov de 2017

Poesia: Insistir

























Insistir

Não desisto!
Quero sempre mais
Para minha vida,
Até mesmo porque,
Com o que tenho
Eu já sobrevivo.

Jorge Jacinto da Silva Jr.
jorge.jacinto@gmail.com