5 de fev de 2016

Poesia: Coração de Lata

















Coração de Lata

Não podemos assim deixar
Todos os sentimentos de lado.
Até porque, não somos de ferro,
E de tanto chorar, caso contrário, 
Viveríamos sempre enferrujados.

Jorge Jacinto da Silva Jr.






Poesia: Carente

















Carente

A carência tem este lado
Que de fato nos ilude
Não nos deixando imune
A qualquer tipo de amor.

Jorge Jacinto da Silva Jr.




3 de fev de 2016

Poesia: Você Soma





















Você Soma

Você sempre me soma
E jamais me abandona
Mesmo nas horas incomodas
De coma emocional.

Jorge Jacinto da Silva Jr.








1 de fev de 2016

Poesia: Decisões Impulsivas

















Decisões Impulsivas

Para evitarmos as suas armadilhas,
Sempre vamos ao amor viver com receios.
É uma forma simples de nos protegermos,
Contra algumas decisões impulsivas.

Jorge Jacinto da Silva Jr.