23 de mar de 2017

Poesia: Meu Silêncio













Meu Silêncio

Instiga-me 
este sentir calado
o que há neste
peito apertado
Não saber viver.

Jorge Jacinto da Silva Jr.

Poesia: Amar Sozinho




















Amar Sozinho

Deprimente, 
Mas verdadeiro.
Amo sozinho
Mas amo por inteiro.

Jorge Jacinto da Silva Jr.






22 de mar de 2017

Poesia: Tempestade

























Tempestade

Não devemos ficar nos protegendo do relento.
Não há tempo ruim para quem
Vive numa tempestade de sentimentos.

Autor: Jorge Jacinto da Silva Jr.