29 de ago de 2014

Poesia: Compulsividade




















Compulsividade

Não queremos nem saber o que é.
Talvez seja como a fome...
Só precisamos nos satisfazer.
Se
compete fazer bem ou mal,

pouco importa seu nome.

Jorge Jacinto da Silva Jr.




Nenhum comentário:

Postar um comentário