25 de mai de 2016

Poesia: Retrógrados





















Retrógrados

Não adianta nada de novas tecnologias,
Em um mundo confuso e mantido
Por tantas pessoas  que vivem a nostalgia,
De pensamentos tão absurdos e antigos.

Jorge Jacinto da Silva Jr.





Nenhum comentário:

Postar um comentário