18 de mai de 2017

Poesia: Campo de Tulipas


























Campo de Tulipas

Não dá tempo para retirar
Ervas daninha de uma plantação
Quando colher com exatidão
É alimento para a alma alimentar.
Neste lindo Campo de Tulipas
Ou as colhemos, ou elas só farão
Parte de longe desta cena bonita
Porém, exclusas às emoções
De quem as recebem da vida.

Jorge Jacinto da Silva Jr.

Nenhum comentário:

Postar um comentário