20 de ago de 2015

Poesia: Riscos





















RISCOS

Corri absoluto a um sério risco
No meio de tantos da vida entulhos
Não mais entender as formas de amor
Por um tolo e irreparável orgulho.

Jorge Jacinto da Silva Jr.











Nenhum comentário:

Postar um comentário